2020 pode se tornar o ano mais quente da história da humanidade


Foto: Getty Images

2020 está a caminho de se tornar um dos três anos mais quentes já registrados na história da humanidade, de acordo com a Organização das Nações Unidas. Desde que os registros começaram em 1850, os últimos seis anos até 2020 foram os mais quentes, e 2020 deve quebrar o recorde de 2016. “2020 foi, infelizmente, mais um ano extraordinário para o nosso clima”, disse Petteri Taalas, secretário-geral.


O fato também se refletiu nos oceanos, que tiveram cerca de 80% de suas águas afetadas por ondas de calor. O aumento de temperatura afeta diretamente os ecossistemas ali presentes. “Os incêndios consumiram vastas áreas na Austrália, Sibéria, Costa Oeste dos EUA e América do Sul, enviando fumaça por todo o globo. Vimos um número recorde de furacões no Atlântico, incluindo furacões de categoria 4 sem precedentes na América Central, em novembro. As inundações em partes da África e do Sudeste Asiático levaram ao deslocamento maciço da população e minaram a segurança alimentar de milhões de pessoas”, resumiu o secretário-geral.

0 comentário