Cestas de frutas milenares intactas são localizadas em ruínas de cidade submersa do Egito

Após um antigo navio ter sido descoberto na cidade egípcia submersa de Thônis-Heracleion, uma equipe do Instituto Europeu de Arqueologia Submersa fez novas descobertas no mesmo local.

Crédito: Instituto Europeu de Arqueologia Submersa

Junto ao navio, pesquisadores haviam localizado destroços de uma área funerária, datada dos primeiros anos do quarto século antes de Cristo. Agora, entre os túmulos, foram localizadas cerâmicas antigas, cujos cestos ainda estavam cheios, com o que seriam oferendas.


Sementes de uva e frutas permaneceram nas cestas por milênios, intocadas. Especula-se que foram capazes de manter a condição, pois foram enterradas e mantidas em segurança em uma sala subterrânea.


Localizada na foz do Rio Nilo, a cidade de Thônis-Heracleion foi destruída junto a uma vasta área após vários terremotos e maremotos. O local, que outrora era o maior porto do Egito Mediterrâneo, foi redescoberto em 2001, perto de Alexandria, a segunda maior cidade do Egito.


0 comentário