Neuralink: implante cerebral está sendo testado em porcos


Foto: Divulgação Neuralink

O excêntrico bilionário Elon Musk, dono da Tesla e da Space X, apresentou recentemente para todo o mundo a porca Gertrude. Um implante cerebral, do tamanho de uma moeda, foi instalado no cérebro do animal para realizar testes da tecnologia que promete conectar cérebros humanos a computadores.


A tecnologia está sendo desenvolvida apenas em animais, mas a startup do bilionário, Neuralink, se candidatou para realizar testes em humanos no ano passado e aguarda a autorização. A interface promete, por exemplo, que pessoas com problemas neurológicos controlem computadores com a mente. Musk argumenta que esses chips podem ser usados no tratamento de Parkinson e lesões na medula espinhal.


Gertrude foi uma das três porcas que participaram da demonstração. Ela demorou um pouco para começar, mas quando comeu e cheirou palha, a atividade apareceu em um gráfico que rastreou seu trabalho neural. O processador no cérebro do animal enviava sinais indicando atividade neural no focinho ao procurar comida.


Ellon Musk tem a ambição de inaugurar uma nova era da tecnologia, que ele chama de “cognição sobre-humana”. A intenção é combater a inteligência artificial, que, segundo ele, vai ser tão poderosa que pode destruir a raça humana. Fundado em 2017, a Neuralink tem trabalhado muito para recrutar cientistas. A intenção é deixar o dispositivo ainda menor e simples. “Cabe muito bem em um crânio. Pode estar embaixo do cabelo de uma pessoa, e você não saberia”, afirma Musk.


A tecnologia que a empresa está desenvolvendo consiste em um pequeno dispositivo, contendo mais de 3 mil eletrodos presos a fios flexíveis, mais finos que um fio de cabelo humano, que podem monitorar a atividade de mil neurônios cerebrais.


ELON MUSK: O HOMEM DE FERRO DA VIDA REAL

Foto: Divulgação Paramount

Robert Downey Jr. recorreu a Ellon Musk para ajudá-lo a entrar no papel de Tony Stark, no filme Homem de Ferro, de 2008. O entusiasmo de Musk pela tecnologia e por sempre investir em inovação inspirou muito os trejeitos do personagem da Marvel. Musk chegou a fazer uma participação em “Homem de Ferro 2”. Na cena, Gwyneth Paltrow se apresenta a ele, chamando-o de Sr. Musk e perguntando como ele está. Então, Robert Downey Jr., que interpreta o Homem de Ferro, se apresenta. Scarlett Johannsson, que interpreta a Viúva Negra no filme, também é vista conversando com uma pessoa ao fundo.


Nascido na África do Sul em 1971, filho de mãe americana e pai sul-africano, Ellon Musk ganhou seus primeiros 500 dólares aos 12 anos, vendendo um jogo de computador que havia codificado. Em 1989, ele se mudou para o Canadá, e depois para os Estados Unidos, para fazer ensino superior. Sua primeira oportunidade veio em 1995, quando ele e seu irmão Kimbal fundaram a empresa de software para web Global Link Information Network, que criava e licenciava guias on-line de cidades para jornais. A empresa foi rebatizada como Zip2 e ganhou contratos com o New York Times e o Chicago Tribune, antes de ser vendida para a Compaq, em 1999, por mais de R$ 300 milhões de dólares.


Musk reinvestiu esses rendimentos na X.com, uma empresa de serviços financeiros e pagamentos on-line, que se tornou PayPal. O PayPal cresceu rapidamente, mas em grande parte sem Musk. Ele foi afastado do cargo de presidente-executivo em 2000, mas permaneceu no conselho com ações suficientes para receber R$ 165 milhões de dólares quando a empresa foi vendida para o eBay em 2002. Em 2004, Musk investiu pesado em uma empresa de carros elétricos chamada Tesla Motors, fundada um ano antes por Martin Eberhard e Marc Tarpenning. Ele assumiu o cargo de presidente-executivo em 2008, no mesmo ano em que a empresa despachou seu primeiro carro: o Roadster, um carro esporte de luxo.

0 comentário