Prefeitos e mandatos

Por Laércio Menegaz Júnior

Como se não bastassem os desafios naturais em uma gestão municipal, especialmente os financeiros, o ano de 2021 tem ingredientes que prometem dar dor de cabeça aos gestores, como a instabilidade política e a pandemia da Covid-19. No entanto, independentemente das questões que afetam a todos e as particularidades de cada município, alguns passos são inevitáveis. Aqui, quero compartilhar três destes passos.


O primeiro deles é fazer um diagnóstico profundo e um levantamento completo de informações acerca da gestão e do município. Este levantamento de dados deve ter início ainda na transição de governo (com exceção dos casos de reeleição, em que o titular supostamente já conhece os números da gestão) e continuar nos primeiros meses. Saber onde estamos pisando é fundamental para os passos a seguir.


O próximo passo é posicionar estrategicamente a gestão. É uma continuidade, ruptura total, parcial? Qual o conceito da administração? Mais técnica ou mais popular? O slogan é o reflexo deste posicionamento. Lembrando que estamos tratando do posicionamento da gestão e não do gestor. É preciso respeitar o princípio da impessoalidade no trato da coisa pública.


E o terceiro passo, não menos importante, é estabelecer objetivos e metas. Se não temos objetivos, não temos rumo. E o pior: não temos parâmetro para avaliar se estamos sendo bem-sucedidos ou não.


Exemplo: aumentar o atendimento nos postos de saúde ou asfaltar x número de ruas. Eu sugiro o modelo de metas chamado smart. Ou seja, todas as metas devem ser específicas, mensuráveis, atingíveis, relevantes e temporais.


Portanto, diagnóstico, posicionamento e metas são passos obrigatórios no início de cada gestão. E, lembre-se: o marketing político agora é permanente, e a reeleição começa no primeiro dia de gestão. E você, gestor, assessor ou colaborador, está fazendo seu dever de casa?


PROJETO DE RESULTADO

Um mandato ou projeto político de resultado se constrói com base em três eixos principais:

  • COMUNICAÇÃO: Se comunicar da forma correta com o eleitor é fundamental para que suas ações como gestor surtam efeito na sociedade.

  • ESTRATÉGIA: Saber como se posicionar diante dos desafios do mandato e planejar as ações para que ele seja, de fato, eficiente é o caminho que faz toda a diferença na gestão pública.

  • PESQUISA: Para o sucesso do gestor, é importante conhecer a opinião popular e as intenções dos eleitores. A pesquisa é a ferramenta mais eficaz. O resultado mensurado norteará as decisões acertadas.

Você sabe como planejar o seu mandato ou seu projeto político futuro nesse tripé?



0 comentário

Posts recentes

Ver tudo